19 de junho de 2013

Juliana Falconieri



Mãe de muitos te tornaste,

imitando a Mãe de Deus;

és a luz dos que te seguem,

força e exemplo para os teus.



Ao morrer, já não podias

receber a comunhão;

mas Jesus, posto em teu peito,

penetra teu coração.



Quão imenso o teu afeto

pela Mãe do teu Senhor;

dá que a ela nós sirvamos,

só busquemos seu louvor.



Glória ao Pai, ao Deus supremo,

que é de tudo o criador;

glória ao Filho, a ele igual,

ao Espírito de amor. Amém!

Seguidores

Google+ Followers

Viva Nossa Senhora!

Wikipedia

Resultados da pesquisa

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email