ZENIT - O mundo visto de Roma

Fides News Português

Gaudiumpress Feed

14 de setembro de 2011

Salve Maria!


Foi de pé, aos pés da Cruz e na hora do maior sofrimento da sua vida que Maria acolheu toda a humanidade como sua filha. A mesma humanidade que condenara o Seu Filho à Morte de Cruz lhe era agora entregue por Jesus, representada no apóstolo João: “Mulher, este é o teu filho!” “Esta é a tua mãe!” Submisso à vontade de Deus foi o próprio Jesus quem, suspenso na Cruz como numa Cátedra, nos entregou a Sua Mãe para ser também a Mãe de todos os homens. Por isso, Maria é para nós, um exemplo de aceitação da vontade do Pai, a ser seguido. Ela tornou-se nossa Mãe e Mãe da Igreja quando passou pelo momento mais angustiante da sua vida. Para dar amparo a humanidade Jesus esperou pela hora da Cruz e nos deu o entendimento de que Maria estaria presente na nossa vida na hora da festa e na hora da dor como intercessora e modelo de fé e aceitação da vontade do Pai. Como mulher e como Mãe, Maria saberia compreender as nossas fraquezas, as nossas dificuldades e, então, mesmo sem compreender, tornar-se exemplo de fortaleza, de obediência e de acolhimento da vontade de Deus. Acolher Maria é trazê-la conosco dentro do nosso coração como uma Mãe que se faz presente na nossa vida e na vida da nossa família. - O que significa para você o “ficar de pé”, junto à Cruz? - Você já levou Maria para a sua vida junto aos seus pertences? Ela faz parte de você, da sua casa, da sua família? – Reze agora uma Ave-Maria e reflita sobre o significado das palavras dessa oração tão simples!