ZENIT - O mundo visto de Roma

Fides News Português

Gaudiumpress Feed

29 de agosto de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB 22º DOMINGO Tempo Comum





Leituras Relacionadas ao dia 29/08/2010 - CNBB
Verde. 22º DOMINGO Tempo Comum

1ª Leitura - Eclo 3,19-21.30-31 (gr. 17 -18.20.28-29)
Sê humilde e encontrarás graça diante do Senhor.
Leitura do Livro do Eclesiástico 3,19-21.30-31 (gr. 17 -18.20.28-29)
19Filho, realiza teus trabalhos com mansidão
e serás amado mais do que um homem generoso.
20Na medida em que fores grande,
deverás praticar a humildade,
e assim encontrarás graça diante do Senhor.
Muitos são altaneiros e ilustres,
mas é aos humildes que ele revela seus mistérios.
21Pois grande é o poder do Senhor,
mas ele é glorificado pelos humildes.
30Para o mal do orgulhoso não existe remédio,
pois uma planta de pecado está enraizada nele,
e ele não compreende.
31O homem inteligente
reflete sobre as palavras dos sábios,
e com ouvido atento deseja a sabedoria.
Palavra do Senhor.


Salmo - Sl 67, 4-5ac.6-7ab.10-11 (R. Cf. 11b
R.Com carinho preparastes uma mesa para o pobre.

4Os justos se alegram na presença do Senhor*
rejubilam satisfeitos e exultam de alegria!
5aCantai a Deus, a Deus louvai,cantai um salmo a seu nome!*
5co seu nome é Senhor: exultai diante dele! R.

6Dos órfãos ele é pai, e das viúvas protetor: *
é assim o nosso Deus em sua santa habitação.
7aÉ o Senhor quem dá abrigo, dá um lar aos deserdados,*
7bquem liberta os prisioneiros e os sacia com fartura. R.

10Derramastes lá do alto uma chuva generosa,*
e vossa terra, vossa herança, já cansada, renovastes;
11e ali vosso rebanho encontrou sua morada;*
com carinho preparastes essa terra para o pobre. R.



2ª Leitura - Hb 12,18-19.22-24a
Vós vos aproximastes do monte Sião
e da cidade do Deus vivo.
Leitura da Carta aos Hebreus 12,18-19.22-24a
Irmãos:
18Vós não vos aproximastes de uma realidade palpável:
"fogo ardente e escuridão, trevas e tempestade,
19som da trombeta e voz poderosa",
que os ouvintes suplicaram não continuasse.
22Mas vós vos aproximastes do monte Sião
e da cidade do Deus vivo, a Jerusalém celeste;
da reunião festiva de milhões de anjos;
23da assembléia dos primogênitos,
cujos nomes estão escritos nos céus;
de Deus, o Juiz de todos;
dos espíritos dos justos, que chegaram à perfeição;
24ade Jesus, mediador da nova aliança.
Palavra do Senhor.


Evangelho - Lc 14,1.7-14
Quem se eleva, será humilhado e
quem se humilha, será elevado.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 14,1.7-14
1Aconteceu que, num dia de sábado,
Jesus foi comer na casa de um dos chefes dos fariseus.
E eles o observavam.
7Jesus notou como os convidados
escolhiam os primeiros lugares.
Então contou-lhes uma parábola:
8"Quando tu fores convidado para uma festa de casamento,
não ocupes o primeiro lugar.
Pode ser que tenha sido convidado
alguém mais importante do que tu,
9e o dono da casa, que convidou os dois,
venha te dizer: "Dá o lugar a ele".
Então tu ficarás envergonhado
e irás ocupar o último lugar.
10Mas, quando tu fores convidado,
vai sentar-te no último lugar.
Assim, quando chegar quem te convidou,
te dirá: "Amigo, vem mais para cima".
E isto vai ser uma honra para ti
diante de todos os convidados.
11Porque quem se eleva, será humilhado
e quem se humilha, será elevado."
12E disse também a quem o tinha convidado:
"Quando tu deres um almoço ou um jantar,
não convides teus amigos, nem teus irmãos,
nem teus parentes, nem teus vizinhos ricos.
Pois estes poderiam também convidar-te
e isto já seria a tua recompensa.
13Pelo contrário, quando deres uma festa,
convida os pobres, os aleijados, os coxos, os cegos.
14Então tu serás feliz!
Porque eles não te podem retribuir.
Tu receberás a recompensa na ressurreição dos justos."
Palavra da Salvação.


LEIA MAIS! CLICK AQUI!



27 de agosto de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB






Leituras Relacionadas ao dia 27/08/2010 - CNBB
Branco. 6ª-feira da 21ª Semana Tempo Comum
Sta. Mônica

1ª Leitura - 1Cor 1,17-25
Pregamos Cristo crucificado, escândalo para os homens,
mas para os que são chamados, sabedoria de Deus.
Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios 1,17-25
Irmãos:
17De fato, Cristo não me enviou para batizar,
mas para pregar a boa nova da salvação,
sem me valer dos recursos da oratória,
para não privar a cruz de Cristo da sua força própria.
18A pregação a respeito da cruz
é uma insensatez para os que se perdem,
mas para os que se salvam,
para nós, ela é poder de Deus.
19Com efeito, está escrito:
"Destruirei a sabedoria dos sábios
e frustrarei a perspicácia dos inteligentes".
20Onde está o sábio?
Onde o mestre da Lei?
Onde o questionador deste mundo?
Acaso Deus não mostrou a insensatez da sabedoria do mundo?
21De fato, na manifestação da sabedoria de Deus,
o mundo não chegou a conhecer Deus por meio da sabedoria;
por isso, Deus houve por bem salvar os que crêem
por meio da insensatez da pregação.
22Os judeus pedem sinais milagrosos,
os gregos procuram sabedoria;
23nós, porém, pregamos Cristo crucificado,
escândalo para os judeus e insensatez para os pagãos.
24Mas para os que são chamados,
tanto judeus como gregos,
esse Cristo é poder de Deus
e sabedoria de Deus.
25Pois o que é dito insensatez de Deus
é mais sábio do que os homens,
e o que é dito fraqueza de Deus
é mais forte do que os homens.
Palavra do Senhor.


Salmo - Sl 32,1-2. 4-5. 10ab.11 (R. 5b)
R. Transborda em toda a terra a bondade do Senhor!

1Ó justos, alegrai-vos no Senhor! *
aos retos fica bem glorificá-lo.
2Dai graças ao Senhor ao som da harpa, *
na lira de dez cordas celebrai-o!R.
4Pois reta é a palavra do Senhor, *
e tudo o que ele faz merece fé.
5Deus ama o direito e a justiça, *
transborda em toda a terra a sua graça.R.
10aO Senhor desfaz os planos das nações *
10be os projetos que os povos se propõem.
11Mas os desígnios do Senhor são para sempre, +
e os pensamentos que ele traz no coração, *
de geração em geração, vão perdurar.R.


Evangelho - Mt 25,1-13
O noivo está chegando. Ide ao seu encontro.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 25,1-13
Naquele tempo,disse Jesus, a seus discípulos, esta parábola:1"O Reino dos Céus é como a história das dez jovensque pegaram suas lâmpadas de óleoe saíram ao encontro do noivo.2Cinco delas eram imprevidentes,e as outras cinco eram previdentes.3As imprevidentes pegaram as suas lâmpadas,mas não levaram óleo consigo.4As previdentes, porém, levaram vasilhas com óleojunto com as lâmpadas.5O noivo estava demorandoe todas elas acabaram cochilando e dormindo.6No meio da noite, ouviu-se um grito:`O noivo está chegando. Ide ao seu encontro!"7Então as dez jovens se levantarame prepararam as lâmpadas.8As imprevidentes disseram às previdentes:`Dai-nos um pouco de óleo,porque nossas lâmpadas estão se apagando."9As previdentes responderam:`De modo nenhum,porque o óleo pode ser insuficientepara nós e para vós.É melhor irdes comprar aos vendedores".10Enquanto elas foram comprar óleo, o noivo chegou,e as que estavam preparadasentraram com ele para a festa de casamento.E a porta se fechou.11Por fim, chegaram também as outras jovens e disseram:`Senhor! Senhor! Abre-nos a porta!"12Ele, porém, respondeu:`Em verdade eu vos digo: Não vos conheço!"13Portanto, ficai vigiando,pois não sabeis qual será o dia, nem a hora.Palavra da Salvação.


Reflexão - Mt 25, 1-13
A Igreja, que somos todos nós, é a esposa de Cristo, e realiza sua maior felicidade no relacionamento com ele, relacionamento que exige de todos nós fidelidade, amor e sensatez, ou seja, uma fé vigilante, que faz com que vivamos constantemente na presença de Jesus, Luz que ilumina nossa vida e não permite que vivamos nas trevas do erro. Como vivemos na presença de Jesus e somos iluminados por ele, nossa fé é cada vez mais ativa e torna-se luz para as pessoas, de modo que todos possam descobrir-se amados por Deus, busquem constantemente um relacionamento com ele, e assim estejam sempre prontos para o momento em que esse relacionamento atingirá sua plenitude, quando seremos todos um só em Cristo.


LEIA MAIS! CLICK AQUI!

24 de agosto de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB





Leituras Relacionadas ao dia 24/08/2010 - CNBB
Vermelho. São Bartolomeu, Apóstolo Festa

1ª Leitura - Ap 21,9b-14
A muralha da cidade tinha doze alicerces,
e sobre eles estavam escritos
os nomes dos doze
póstolos do Cordeiro.

Leitura do Livro do Apocalipse de São João 21,9b-14

9bUm anjo falou comigo e disse: "Vem!
Vou mostrar-te a noiva, a esposa do Cordeiro".
10Então me levou em espírito
a uma montanha grande e alta.
Mostrou-me a cidade santa, Jerusalém,
descendo do céu, de junto de Deus,
11brilhando com a glória de Deus.
Seu brilho era como o de uma pedra preciosíssima,
como o brilho de jaspe cristalino.
12Estava cercada por uma muralha maciça e alta,
com doze portas.
Sobre as portas estavam doze anjos,
e nas portas estavam escritos os nomes
das doze tribos de Israel.
13Havia três portas do lado do oriente,
três portas do lado norte,
três portas do lado sul
e três portas do lado do ocidente.
14A muralha da cidade tinha doze alicerces,
e sobre eles estavam escritos
os nomes dos doze apóstolos do Cordeiro.
Palavra do Senhor.


Salmo - Sl 144(145),10-11.12-13ab.17-18 (R. cf. 12a)
R. Â Senhor, vossos amigos anunciem vosso Reino glorioso!

10Que vossas obras, ó Senhor, vos glorifiquem, *
e os vossos santos com louvores vos bendigam!
11Narrem a glória e o esplendor do vosso reino *
e saibam proclamar vosso poder!R.

12Para espalhar vossos prodígios entre os homens *
e o fulgor de vosso reino esplendoroso.
13aO vosso reino é um reino para sempre, *
13bvosso poder, de geração em geração.R.

17É justo o Senhor em seus caminhos, *
é santo em toda obra que ele faz.
18Ele está perto da pessoa que o invoca, *
de todo aquele que o invoca lealmente.R.



Evangelho - Jo 1,45-51
Aí vem um israelita de verdade,
um homem sem falsidade.

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João 1,45-51

45Filipe encontrou-se com Natanael e lhe disse:
"Encontramos aquele de quem Moisés escreveu na Lei,
e também os profetas:
Jesus de Nazaré, o filho de José".
46Natanael disse:
"De Nazaré pode sair coisa boa?"
Filipe respondeu: "Vem ver!"
47Jesus viu Natanael que vinha para ele e comentou:
"Aí vem um israelita de verdade,
um homem sem falsidade".
48Natanael perguntou: "De onde me conheces?"
Jesus respondeu:
"Antes que Filipe te chamasse,
enquanto estavas debaixo da figueira,
eu te vi".
49Natanael respondeu:
"Rabi, tu és o Filho de Deus,
tu és o Rei de Israel".
50Jesus disse:
"Tu crês porque te disse:
Eu te vi debaixo da figueira?
Coisas maiores que esta verás!"
51E Jesus continuou:
"Em verdade, em verdade, eu vos digo:
Vereis o céu aberto
e os anjos de Deus subindo e descendo
sobre o Filho do Homem".
Palavra da Salvaçào.


LEIA MAIS! CLICK AQUI!

23 de agosto de 2010

Abriu a Comunidade Estrela da Manhã





Caros amigos e amigas,
Pedimos que divulguem esta iniciativa!!!

 

Obras Sociais da Diocese de Rio Branco
Comunidade Estrela da Manhã
ATENDEMOS: MULHERES (ACIMA DE 18 ANOS)
DEPENDENTES DE ÁLCOOL E OUTRAS DROGAS

 

1.   DIAS DE ATENDIMENTO PARA INTERNAÇÃO:

·       SEGUNDA-FEIRA: das 14:00h às 17:00h;

·       QUINTA-FEIRA: das 14:00h às 17:00h;

·       TERÇA-FEIRA: DAS 17:00h às 18:30h;

 

2.   NOSSO ESCRITÓRIO ESTÁ SITUADO NO SEGUINTE ENDEREÇO:

3.   No prédio das Obras Sociais da Diocese de Rio Branco,

À Av. Getúlio Vargas, 2976 - Bosque (próximo ao CENTRO DE FORMAÇÃO DA DIOCESE)

 

4.   INFORMAÇÕES:

De segunda a sexta-feira pelo tel.: 68 3228 8347ou pessoalmente em nosso escritório, em horário comercial.
Esta é mais uma iniciativa da nossa Igreja Católica, através das Obras Sociais da Diocese de Rio Branco.

Contamos com vocês!

 

Francisca Aglecia
Coordenadora

 



3 de agosto de 2010

Mês missionário

Estamos no mês missionário, e a alegria deve ser a força que nos impulsiona a viver o novo ardor que o Espírito da Missão nos propõe, deixando-nos envolver cada dia mais pelo imenso amor e misericórdia que brotam da água e do sangue que jorraram do lado aberto do Cristo pregado na gloriosa cruz.

A missão é como um botão de flor, que no início parece estar "apertado" e sem espaço quando suas pétalas ainda não sabem com certeza qual direção devem seguir para tomar a forma devida, porém, após algumas noites orvalhadas e manhãs ensolaradas, está lá a formosura da flor. Colorida, perfumada e de aparência incomparável, o que antes era um botão fechado se transforma numa flor com a forma que Deus sonhou para enfeitar seu jardim.

A missão pode parecer difícil e demorada, ou ainda "apertada", mas quando os sonhos de Deus se realizam e o missionário deixa o Espírito da Missão conduzir sua vida, aí é possível viver como uma flor no jardim de Deus.

Nosso bondoso Senhor deixou passos a seguir durante a vida missionária:
  • perdoar conforme necessita de perdão
  • procurar tirar antes a trave de seu olho e somente depois apontar a trave no olho do outro
  • produzir bons frutos através de sua existência
  • construir sua missão sobre a rocha, que é a palavra viva de Deus

Se seguimos com obediência e coragem os preceitos do Senhor, mesmo quando enfrentamos dificuldades ou quando nossa aparência parece ainda meio deformada somos capazes de exalar o perfume de Deus em nossas vidas, como as flores que depois de noites orvalhadas e manhãs ensolaradas superam as dificuldades da vida de botão.

A paz amados irmãos! Alegrai-vos em vossa missão!

A Palavra de Deus na Vida - CNBB




Leituras Relacionadas ao dia 03/08/2010 - CNBB
Verde. 3ª-feira da 18ª Semana Tempo Comum

1ª Leitura - Jr 30,1-2.12-15.18-22
Eu te tratei com rudeza
por causa do teu endurecimento no pecado.
Mudarei a sorte das tendas de Jacó.
Leitura do Livro do Profeta Jeremias 30,1-2.12-15.18-22
1Palavra que foi dirigida a Jeremias,
da parte do Senhor:
2"Isto diz o Senhor, Deus de Israel:
Escreve para ti, num livro,
todas as palavras que te falei.
12Isto diz o Senhor:
Incurável é tua ferida,
maligna tua chaga;
13não há quem conheça teu diagnóstico;
uma úlcera tem remédio,
mas em ti não se produz cicatrização.
14Todos os teus amigos te esqueceram,
não te procuram mais;
eu te causei uma ferida, como se fosses inimigo,
como um castigo cruel:
por causa do grande número de maldades
que te fez endurecer no pecado.
15Por que gritas em teu sofrimento?
É insanável a tua dor.
Eu te tratei com rudeza
por causa das tuas inúmeras maldades
e por causa do teu endurecimento no pecado.
18Isto diz o Senhor:
Eis que eu mudarei a sorte das tendas de Jacó
e terei compaixão de suas moradias,
a cidade ressurgirá das suas ruínas
e a fortaleza terá lugar para suas fundações;
19de lá sairão cânticos de louvor e sons festivos.
Hei de multiplicá-los, eles não diminuirão,
hei de glorificá-los, eles não serão humilhados.
20Teus filhos serão felizes como outrora,
e sua comunidade, estável na minha presença;
e agirei contra todos os que os molestarem.
21Para chefe será escolhido um dos seus,
e o soberano sairá do seu meio;
eu o incitarei, e ele se aproximará de mim.
Quem dará a vida
em penhor da sua aproximação de mim?
- diz o Senhor.
22Sereis meu povo
e eu serei vosso Deus.
Palavra do Senhor.


Salmo - Sl 101, 16-18. 19-21. 29.22-23 (R. 20b)
R. O Senhor olhou a terra do alto céu.

16As nações respeitarão o vosso nome, *
e os reis de toda a terra, a vossa glória;
17quando o Senhor reconstruir Jerusalém *
e aparecer com gloriosa majestade,
18ele ouvirá a oração dos oprimidos *
e não desprezará a sua prece.R.

19Para as futuras gerações se escreva isto, *
e um povo novo a ser criado louve a Deus.
20Ele inclinou-se de seu templo nas alturas, *
e o Senhor olhou a terra do alto céu,
21para os gemidos dos cativos escutar *
e da morte libertar os condenados.R.

29Assim também a geração dos vossos servos +
terá casa e viverá em segurança, *
e ante vós se firmará sua descendência.
22Para que cantem o seu nome em Sião *
e louve ao Senhor Jerusalém,
23quando os povos e as nações se reunirem *
e todos os impérios o servirem.R.



Evangelho - Mt 14,22-36
"Senhor,manda-me ir ao teu encontro,
caminhando sobre a água."
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 14,22-36
Depois que a multidão comera até saciar-se,
22Jesus mandou que os discípulos entrassem na barco
e seguissem, à sua frente, para o outro lado do mar,
enquanto ele despediria as multidões.
23Depois de despedi-las,
Jesus subiu ao monte, para orar a sós.
A noite chegou, e Jesus continuava ali, sozinho.
24A barca, porém, já longe da terra,
era agitada pelas ondas, pois o vento era contrário.
25Pelas três horas da manhã,
Jesus veio até os discípulos, andando sobre o mar.
26Quando os discípulos o avistaram, andando sobre o mar,
ficaram apavorados, e disseram:
"É um fantasma". E gritaram de medo.
27Jesus, porém, logo lhes disse:
"Coragem! Sou eu. Não tenhais medo!"
28Então Pedro lhe disse:
"Senhor, se és tu, manda-me ir ao teu encontro,
caminhando sobre a água."
29E Jesus respondeu: "Vem!"
Pedro desceu da barca e começou a andar sobre a água,
em direção a Jesus.
30Mas, quando sentiu o vento, ficou com medo
e começando a afundar, gritou: "Senhor, salva-me!"
31Jesus logo estendeu a mão, segurou Pedro, e lhe disse:
"Homem fraco na fé, por que duvidaste?"
32Assim que subiram no barco, o vento se acalmou.
33Os que estavam no barco,
prostraram-se diante dele, dizendo:
"Verdadeiramente, tu és o Filho de Deus!"
34Após a travessia desembarcaram em Genesaré.
35Os habitantes daquele lugar, reconheceram Jesus
e espalharam a notícia por toda a região.
Então levaram a ele todos os doentes;
36e pediam que pudessem, ao menos,
tocar a barra de sua veste.
E todos os que a tocaram, ficaram curados.
Palavra da Salvação.


Evangelho - Mt 15,1-2.10-14
"Toda planta que não foi plantada
pelo meu Pai celeste será arrancada".
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 15,1-2.10-14
1Naquele tempo, alguns fariseus e mestres da Lei,
vindos de Jerusalém,
aproximaram-se de Jesus, e perguntaram:
2"Por que os teus discípulos
não observam a tradição dos antigos?
Pois não lavam as mãos quando comem o pão!"
10Jesus chamou a multidão para perto de si
e disse: "Escutai e compreendei.
11Não é o que entra pela boca que torna o homem impuro,
mas o que sai da boca, isso é que torna o homem impuro."
12Então os discípulos se aproximaram e disseram a Jesus:
"Sabes que os fariseus
ficaram escandalizados ao ouvir as tuas palavras?"
13Jesus respondeu:
"Toda planta que não foi plantada pelo meu Pai celeste
será arrancada.
14Deixai-os! São cegos guiando cegos.
Ora, se um cego guia outro cego,
os dois cairão no buraco."
Palavra da Salvação.


Reflexão - Mt 14, 22-36
O fato de Jesus caminhar sobre as águas é causa de assombro para os seus discípulos, principalmente porque, segundo o livro de Jó, somente Deus caminha sobre o mar, de modo que este fato revela aos discípulos que estão diante do verdadeiro Deus que se fez homem e está no meio de nós, mas inicialmente a surpresa é tão grande que gera dúvida em seus corações que, depois de serem iluminados pela fé, os levam ao reconhecimento da pessoa divina que está diante dele. Assim também nós, que recebemos muitas graças de Deus, só o reconheceremos quando nossos corações forem iluminados pela fé, de modo que possamos superar o nosso assombro inicial.


LEIA MAIS! CLICK AQUI!

TEMA: FAMÍLIA, FORMADORA DE VALORES HUMANOS E CRISTÃOS.



A família é a primeira e mais básica comunidade eclesial. A Santíssima Trindade é mistério de comunhão de unidade perfeita das três pessoas divinas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Unidade na diversidade: um só Deus em três pessoas. A comunhão de amor das três pessoas divinas é modelo da família que é chamada a viver a comunhão no amor entre os esposos e os filhos na diversidade de seus membros.

A família deve ser verdadeira escola de valores humanos e cristãos a serem transmitidos e vividos no lar. Jesus Cristo é a referência para a família discernir os verdadeiros valores e as deficiências da cultura de hoje, os contra valores. Ele é o modelo para todos nós. Ele é o rosto divino do homem e o rosto humano de Deus. Pelo mistério de sua encarnação, Jesus elevou a pessoa humana a uma dignidade singular. Ele veio para dar vida e vida em plenitude a toda a humanidade. Ao entrar na nossa história, no seio de uma família, Jesus Cristo se solidarizou conosco e nos mostrou o valor da família, fruto da união entre o homem e a mulher, fundada no amor e aberta à vida. A família é chamada a cultivar o valor da pessoa humana, a acolher e defender o valor da vida desde o seu início, até o término natural; ela é chamada a promover os valores da solidariedade e da fraternidade entre seus membros e para com as demais pessoas, a dialogar e a conviver com o diferente, favorecendo assim uma cultura de paz.

Enfim, a família deve alimentar a dimensão religiosa de seus membros, porque Deus é o fundamento de todas as coisas e somente n´Ele nosso coração sedento e inquieto encontra paz e felicidade.

1 de agosto de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB 18º DOMINGO Tempo Comum


fr Charlie, osm
[http://epjp.wordpress.com] * [http://somosservos.blogspot.com]

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco. Bendita sois Vós entre as mulheres, bendito é o fruto de Vosso ventre, Jesus.
À vossa protecção nos acolhemos Santa Mãe de Deus. Não desprezeis as nossas súplicas em nossas necessidades, mas livrai-nos de todos os perigos, ó Virgem gloriosa e Bendita!


---------- Forwarded message ----------
From: Liturgia - CNBB <webmaster@cnbb.org.br>
Date: 2010/8/1
Subject: A Palavra de Deus na Vida - CNBB
To: charlieleitao@gmail.com



Leituras Relacionadas ao dia 01/08/2010 - CNBB
Verde. 18º DOMINGO Tempo Comum

1ª Leitura - Eclo 1,2; 2,21-23
Que resta ao homem de todos os seus trabalhos?
Leitura do Livro do Eclesiastes 1,2; 2,21-23
2"Vaidade das vaidades, diz o Eclesiastes,
vaidade das vaidades!
Tudo é vaidade."
2,21Por exemplo: um homem que trabalhou com inteligência,
competência e sucesso,
vê-se obrigado a deixar tudo em herança a outro
que em nada colaborou.
Também isso é vaidade e grande desgraça.
22De fato, que resta ao homem
de todos os trabalhos e preocupaçðes
que o desgastam debaixo do sol?
23Toda a sua vida é sofrimento,
sua ocupação, um tormento.
Nem mesmo de noite repousa o seu coração.
Também isso é vaidade.
Palavra do Senhor.


Salmo - Sl 89,3-4.5-6.12-13.14.17 (R.1)
R.Vós fostes ó Senhor, um refúgio para nós.

3Vós fazeis voltar ao pó todo mortal,*
quando dizeis: "Voltai ao pó, filhos de Adão!"
4Pois mil anos para vós são como ontem,*
qual vigília de uma noite que passou. R.

5Eles passam como o sono da manhã,*
6são iguais à erva verde pelos campos:
De manhã ela floresce vicejante,*
mas à tarde é cortada e logo seca. R.

12Ensinai-nos a contar os nossos dias,*
e dai ao nosso coração sabedoria!
13Senhor, voltai-vos! Até quando tardareis?
Tende piedade e compaixão de vossos servos! R.

14Saciai-nos de manhã com vosso amor,*
e exultaremos de alegria todo o dia!
17Que a bondade do Senhor e nosso Deus
repouse sobre nós e nos conduza!*
Tornai fecundo, ó Senhor, nosso trabalho. R.



2ª Leitura - Cl 3,1-5.9-11
Esforçai-vos por alcançar as coisas
do alto, onde está Cristo.
Leitura da Carta de São Paulo aos Colossenses 3,1-5.9-11
Irmãos:
1Se ressuscitastes com Cristo,
esforçai-vos por alcançar as coisas do alto,
onde está Cristo, sentado à direita de Deus;
2aspirai às coisas celestes
e não às coisas terrestres.
3Pois vós morrestes,
e a vossa vida está escondida, com Cristo, em Deus.
4Quando Cristo, vossa vida, aparecer em seu triunfo,
então vós aparecereis também com ele,
revestidos de glória.
5Portanto, fazei morrer o que em vós pertence à terra:
imoralidade, impureza,
paixão, maus desejos
e a cobiça, que é idolatria.
9Não mintais uns aos outros.
Já vos despojastes do homem velho
e da sua maneira de agir
10e vos revestistes do homem novo,
que se renova segundo a imagem do seu Criador,
em ordem ao conhecimento.
11Aí não se faz distinção entre grego e judeu,
circunciso e incircunciso,
inculto, selvagem, escravo e livre,
mas Cristo é tudo em todos.
Palavra do Senhor.


Evangelho - Lc 12,13-21
E para quem ficará o que tu acumulaste?"
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 12,13-21
Naquele tempo:
13Alguém, do meio da multidão, disse a Jesus: "Mestre,
dize ao meu irmão que reparta a herança comigo."
14Jesus respondeu:
"Homem, quem me encarregou de julgar
ou de dividir vossos bens?"
15E disse-lhes:
"Atenção! Tomai cuidado contra todo tipo de ganância,
porque, mesmo que alguém tenha muitas coisas,
a vida de um homem não consiste na abundância de bens."
16E contou-lhes uma parábola:
"A terra de um homem rico deu uma grande colheita.
17Ele pensava consigo mesmo:
"O que vou fazer?
Não tenho onde guardar minha colheita".
18Então resolveu: "Já sei o que fazer!
Vou derrubar meus celeiros e construir maiores;
neles vou guardar todo o meu trigo,
junto com os meus bens.
19Então poderei dizer a mim mesmo:
- Meu caro, tu tens uma boa reserva para muitos anos.
Descansa, come, bebe, aproveita!"
20Mas Deus lhe disse: "Louco!
Ainda nesta noite, pedirão de volta a tua vida.
E para quem ficará o que tu acumulaste?"
21Assim acontece com quem ajunta tesouros para si mesmo,
mas não é rico diante de Deus."
Palavra da Salvação.


LEIA MAIS! CLICK AQUI!