28 de julho de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB





Leituras Relacionadas ao dia 28/07/2010 - CNBB
Verde. 4ª-feira da 17ª Semana Tempo Comum

1ª Leitura - Jr 15,10.16-21
Por que se tornou eterna minha dor? -
Se te converteres, converterei teu coração,
para te sustentares em minha presença.
Leitura do Livro do Profeta Jeremias 15,10.16-21

10Ai de mim, minha mãe,
que me geraste um homem de controvérsia,
um homem em discórdia com toda a gente!
Não emprestei com usura nem ninguém me emprestou,
e contudo todos me amaldiçoam.
16Quando encontrei tuas palavras, alimentei-me,
elas se tornaram para mim
uma delícia e a alegria do coração,
o modo como invocar teu nome sobre mim,
Senhor Deus dos exércitos.
17Não costumo freqüentar a roda dos folgazões
e gabo-me disso;
fiquei a sós, sob o influxo de tua presença
e cheio de indignação.
18Por que se tornou eterna minha dor,
por que não sara minha chaga maligna?
Para mim te tornaste como miragem de um regato,
como visão d"águas ilusórias.
19Ainda assim, isto diz-me o Senhor:
"Se te converteres, converterei teu coração,
para te sustentares em minha presença;
se souberes separar o precioso do vil,
falarás por minha boca;
os outros voltarão para ti,
e tu não voltarás para eles.
20Em favor deste povo, farei de ti
uma muralha de bronze fortificada;
combaterão contra ti, mas não prevaleceróo,
porque eu estou contigo
para te salvar e te defender,
diz o Senhor.
21Eu te libertarei das mãos dos perversos
e te salvarei dos prepotentes".
Palavra do Senhor.



Salmo - Sl 58,2-3. 4-5a. 10-11. 17. 18 (R. 17d)
R. Sois meu refúgio no dia da aflição.

2Libertai-me do inimigo, ó meu Deus, *
e protegei-me contra os meus perseguidores!
3Libertai-me dos obreiros da maldade, *
defendei-me desses homens sanguinários!R.

4Eis que ficam espreitando a minha vida, *
poderosos armam tramas contra mim.
5aMas eu, Senhor, não cometi pecado ou crime.R.

10Minha força, é a vós que me dirijo, +
porque sois o meu refúgio e proteção, *
11Deus clemente e compassivo, meu amor!
Deus virá com seu amor ao meu encontro, *
e hei de ver meus inimigos humilhados.R.

17Eu, então, hei de cantar vosso poder, *
e de manhã celebrarei vossa bondade,
porque fostes para mim o meu abrigo, *
o meu refúgio no dia da aflição.R.

18Minha força, cantarei vossos louvores, +
porque sois o meu refúgio e proteção, *
Deus clemente e compassivo, meu amor!R.



Evangelho - Mt 13,44-46
Vende todos os seus bens e compra aquele campo.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 13,44-46

Naquele tempo, disse Jesus à multidão:
44"O Reino dos Céus é como um tesouro escondido no campo.
Um homem o encontra e o mantém escondido.
Cheio de alegria, ele vai, vende todos os seus bens
e compra aquele campo.
45O Reino dos Céus também é como um comprador
que procura pérolas preciosas.
46Quando encontra uma pérola de grande valor,
ele vai, vende todos os seus bens
e compra aquela pérola.
Palavra do Senhor.



Reflexão - Mt 13, 44-46
O Evangelho de hoje nos mostra a parábola na qual Jesus compara o Reino de Deus com um tesouro e com uma pérola. A comparação com o tesouro nos mostra o valor que o Reino de Deus deve ter nas nossas vidas, um valor que não pode ser superado por nenhum outro valor deste mundo. A pérola nos mostra a preciosidade inigualável que é o Reino de Deus para todas as pessoas. E tanto o valor como a preciosidade do Reino de Deus significam que todas as outras coisas perdem sua importância diante dele e só têm sentido enquanto contribuem para que o homem possa chegar até Deus.


LEIA MAIS ! CLICK AQUI!


26 de julho de 2010

Missa da Saúde

A Missa da Saúde é a união do Social com o Espiritual. É um projeto cristão que procura unir a promoção social com a espiritualidade. Nasceu do coração do Frei Rinaldo a partir de sua experiência pastoral. Sob o Patrocinio de São Peregrino, o protetor contra o câncer, a Missa da Saúde quer levar às pessoas conforto, esperança e solidariedade. É a experiencia da Igreja Samaritana que vai ao encontro do sofredor. É levar o próprio Cristo que veio "para que todos tenham vida e vida em abundância"(Jo 10, 10). Frei Rinaldo há muito tempo sempre trabalhou com os doentes, em especial, os que sofrem do câncer por isso criou o projeto "caravana da vida", uma experiência de fé e apoio espiritual a todos os enfermos. Muitas foram as cidades que já receberam esta caravana e por todos os lugares por onde passou o "ônibus da vida" muitas bênçãos e milagres Jesus já realizou na vida de tantas pessoas, em especial, os enfermos. O projeto consiste em duas partes: ATENDIMENTO MÉDICO e CELEBRAÇÃO DA MISSA. Para que uma cidade receba a caravana da vida é necessário uma integração entre a Paróquia da cidade com a Secretaria da Saúde. Esta última deverá providenciar um grupo de médicos, enfermeiros ou agentes da saúde para o atendimento gratuíto à população e a Paróquia deverá se ocupar de todo aspecto litúrgico para a celebração da Santa Missa. Uma equipe técnica-operacional da TV Século 21 (cinegrafistas, diretor) vai estar presente no dia do evento para filmar e registrar todo este acontecimento (atendimento e missa) e exibir a matéria na grade de sua programação.

Entre em contato com a TV Século 21 e agende a visita da Caravana da Vida em sua cidade. Ligue (19) 3849-9317. Ou mande um email para missadasaude@tvseculo21.org.br

"Eu sou o Deus que cura"(Ex 15, 26)

A Palavra de Deus na Vida - CNBB





Leituras Relacionadas ao dia 26/07/2010 - CNBB
Branco. São Joaquim e Sant"Ana, pais de Nossa Senhora Memória

1ª Leitura - Eclo 44,1.10-15
Seus nomes duram através das gerações.

Leitura do Livro do Eclesiástico 44,1.10-15

1Vamos fazer o elogio dos homens famosos,
nossos antepassados através das gerações.
10Estes, são homens de misericórdia;
seus gestos de bondade não serão esquecidos.
11Eles permanecem com seus descendentes;
seus próprios netos são a sua melhor herança.
12A descendência deles mantém-se fiel às alianças,
13e, graças a eles, também os seus filhos.
Sua descendência permanece para sempre,
e sua glória jamais se apagará.
14Seus corpos serão sepultados na paz
e seu nome dura através das gerações.
15Os povos proclamarão a sua sabedoria,
e a assembléia vai celebrar o seu louvor.
Palavra do Senhor.


Salmo - Sl 131(132),11.13-14.17-18 (R. Lc 1,32a)

 

R. O Senhor vai dar-lhe o trono
de seu pai, o rei Davi.

11O Senhor fez a Davi um juramento, *
uma promessa que jamais renegará:
"Um herdeiro que é fruto do teu ventre *
colocarei sobre o trono em teu lugar!R.

13Pois o Senhor quis para si Jerusalém *
e a desejou para que fosse sua morada:
14"Eis o lugar do meu repouso para sempre, *
eu fico aqui: este é o lugar que preferi!"R.

17"De Davi farei brotar um forte Herdeiro, *
acenderei ao meu Ungido uma lâmpada.
18Cobrirei de confusão seus inimigos, *
mas sobre ele brilhará minha coroa!"R.



Evangelho - Mt 13,16-17
Muitos profetas e justos
desejaram ver o que vedes, e não viram.

 

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 13,16-17


Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
16"Felizes sois vós, porque vossos olhos vêem
e vossos ouvidos ouvem.
17Em verdade vos digo, muitos profetas e justos
desejaram ver o que vedes, e não viram,
desejaram ouvir o que ouvis, e não ouviram".
Palavra da Salvação.



LEIA MAIS! CLICK AQUI!


25 de julho de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB 17º DOMINGO Tempo Comum






Leituras Relacionadas ao dia 25/07/2010 - CNBB
Verde. 17º DOMINGO Tempo Comum

1ª Leitura - Gn 18,20-32
Que o meu Senhor não se irrite, se eu falar.
Leitura do Livro do Gênesis 18,20-32
Naqueles dias:
20O Senhor disse a Abraão:
"O clamor contra Sodoma e Gomorra cresceu,
e agravou-se muito o seu pecado.
21Vou descer para verificar
se as suas obras correspondem ou não
ao clamor que chegou até mim".
22Partindo dali, os homens dirigiram-se a Sodoma,
enquanto Abraão ficou na presença do Senhor.
23Então, aproximando-se, disse Abraão:
"Vais realmente exterminar o justo com o ímpio?
24Se houvesse cinqüenta justos na cidade,
acaso iríeis exterminá-los?
Não pouparias o lugar
por causa dos cinqüenta justos que ali vivem?
25Longe de ti agir assim,
fazendo morrer o justo com o ímpio,
como se o justo fosse igual ao ímpio.
Longe de ti!
O juiz de toda a terra não faria justiça?"
26O Senhor respondeu:
"Se eu encontrasse em Sodoma cinqüenta justos,
pouparia por causa deles a cidade inteira".
27Abraão prosseguiu dizendo:
"Estou sendo atrevido em falar a meu Senhor,
eu que sou pó e cinza.
28Se dos cinqüenta justos faltassem cinco,
destruirias por causa dos cinco a cidade inteira?"
O Senhor respondeu:
"Não destruiria,
se achasse ali quarenta e cinco justos".
29Insistiu ainda Abraão e disse:
"E se houvesse quarenta?"
Ele respondeu:
"Por causa dos quarenta, não o faria".
30Abraão tornou a insistir:
"Não se irrite o meu Senhor, se ainda falo.
E se houvesse apenas trinta justos?".
Ele respondeu:
"Também não o faria, se encontrasse trinta".
31Tornou Abraão a insistir:
"Já que me atrevi a falar a meu Senhor,
e se houver vinte justos?"
Ele respondeu:
"Não a iria destruir por causa dos vinte".
32Abraão disse:
"Que o meu Senhor não se irrite,
se eu falar só mais uma vez:
e se houvesse apenas dez?"
Ele respondeu:
"Por causa dos dez, não a destruiria".
Palavra do Senhor.


Salmo - Sl 137,1-2a.2bc-3.6-7ab.7c.8 (R. 3a)
R.Naquele dia em que gritei, vós me escutastes, ó Senhor!

1Ó Senhor, de coração eu vos dou graças, *
porque ouvistes as palavras dos meus lábios!
Perante os vossos anjos vou cantar-vos *
2ae ante o vosso templo vou prostrar-me. R.

2bEu agradeço vosso amor, vossa verdade,*
2cporque fizestes muito mais que prometestes;
3naquele dia em que gritei, vós me escutastes*
e aumentastes o vigor da minha alma. R.

6Altíssimo é o Senhor, mas olha os pobres,*
e de longe reconhece os orgulhosos.
7aSe no meio da desgraça eu caminhar,*
vós me fazeis tornar à vida novamente;
7bquando os meus perseguidores me atacarem*
e com ira investirem contra mim,
estendereis o vosso braço em meu auxílio. R.

7cE havereis de me salvar com vossa destra.
8Completai em mim a obra começada;*
ó Senhor, vossa bondade é para sempre!
Eu vos peço: não deixeis inacabada*
esta obra que fizeram vossas mãos! R.



2ª Leitura - Cl 2,12-14
Deus vos trouxe para a vida, junto com
Cristo, e a todos nós perdoou os pecados.
Leitura da Carta de São Paulo aos Colossenses 2,12-14
Irmãos:
12Com Cristo fostes sepultados no batismo;
com ele também fostes ressuscitados
por meio da fé no poder de Deus,
que ressuscitou a Cristo dentre os mortos.
13Ora, vós estáveis mortos por causa dos vossos pecados,
e vossos corpos não tinham recebido a circuncisão,
até que Deus vos trouxe para a vida, junto com Cristo,
e a todos nós perdoou os pecados.
14Existia contra nós uma conta a ser paga,
mas ele a cancelou, apesar das obrigações legais,
e a eliminou, pregando-a na cruz.
Palavra do Senhor.


Evangelho - Lc 11,1-13
Pedi e recebereis.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 11,1-13
1Jesus estava rezando num certo lugar.
Quando terminou, um de seus discípulos pediu-lhe:
"Senhor, ensina-nos a rezar,
como também João ensinou a seus discípulos."
2Jesus respondeu: "Quando rezardes, dizei:
`Pai, santificado seja o teu nome.
Venha o teu Reino.
3Dá-nos a cada dia o pão de que precisamos,
4e perdoa-nos os nossos pecados,
pois nós também perdoamos a todos os nossos devedores;
e não nos deixes cair em tentação"."
5E Jesus acrescentou:
"Se um de vós tiver um amigo
e for procurá-lo à meia-noite e lhe disser:
`Amigo, empresta-me três póes,
6porque um amigo meu chegou de viagem
e nada tenho para lhe oferecer",
7e se o outro responder lá de dentro:
"Não me incomoda! Já tranquei a porta,
e meus filhos e eu já estamos deitados;
não me posso levantar para te dar os póes";
8eu vos declaro:
mesmo que o outro não se levante
para dá-los porque é seu amigo, vai levantar-se
ao menos por causa da impertinência dele
e lhe dará quanto for necessário.
9Portanto, eu vos digo:
pedi e recebereis; procurai e encontrareis;
batei e vos será aberto.
10Pois quem pede, recebe; quem procura, encontra;
e, para quem bate, se abrirá.
11Será que algum de vós que é pai,
se o filho pedir um peixe, lhe dará uma cobra?
12Ou ainda, se pedir um ovo, lhe dará um escorpião?
13Ora, se vós que sois maus,
sabeis dar coisas boas aos vossos filhos,
quanto mais o Pai do Céu dará o Espírito Santo
aos que o pedirem! "
Palavra da Salvação.


LEIA MAIS! CLICK AQUI!


23 de julho de 2010

Palavra de Deus na Vida - CNBB



Leituras Relacionadas ao dia 23/07/2010 - CNBB
Verde. 6ª-feira da 16ª Semana Tempo Comum

1ª Leitura - Jr 3,14-17
Eu vos darei pastores segundo o meu coração;
e em torno de Jerusalém se reunirão todos os povos.
Leitura do Livro do Profeta Jeremias 3,14-17
14Convertei-vos, filhos,
que vos tendes afastado de mim, diz o Senhor,
pois eu sou vosso Senhor;
vou tomar-vos, um de uma cidade e dois de uma família,
e vos reconduzirei a Sião;
15eu vos darei pastores segundo o meu coração,
que vos apascentarão com clarividência e sabedoria.
16Quando vos tiverdes multiplicado e crescerdes na terra,
naqueles dias, diz o Senhor,
não se falará mais da "arca da aliança do Senhor`;
ela não virá à memória de ninguém,
não se lembrarão dela,
não a procurarão nem fabricarão outra.
17Naquele tempo, chamarão Jerusalém Trono do Senhor,
em torno dela se reunirão, em nome do Senhor,
todos os povos;
eles não se deixarão mais levar
pelas inclinações de um coração mau.
Palavra do Senhor.


Salmo - Jr 31, 10. 11-12ab. 13 (R. Cf. 10d)
R. O Senhor nos guardará qual pastor a seu rebanho.

10Ouvi, nações, a palavra do Senhor *
e anunciai-a nas ilhas mais distantes:
"Quem dispersou Israel, vai congregá-lo, *
e o guardará qual pastor a seu rebanho!"R.

11Pois, na verdade, o Senhor remiu Jacó *
e o libertou do poder do prepotente.
12aVoltarão para o monte de Sião, +
entre brados e cantos de alegria *
12bafluirão para as bênçãos do Senhor:R.

13Então a virgem dançará alegremente, *
também o jovem e o velho exultarão;
mudarei em alegria o seu luto, *
serei consolo e conforto após a guerra.R.



Evangelho - Mt 13,18-23
Aquele que ouve a palavra e a compreende.
Esse produz fruto.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 13,18-23
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
18Ouvi a parábola do semeador:
19Todo aquele que ouve a palavra do Reino
e não a compreende,
vem o Maligno e rouba o que foi semeado em seu coração.
Este é o que foi semeado à beira do caminho.
20A semente que caiu em terreno pedregoso
é aquele que ouve a palavra
e logo a recebe com alegria;
21mas ele não tem raiz em si mesmo, é de momento:
quando chega o sofrimento ou a perseguição,
por causa da palavra, ele desiste logo.
22A semente que caiu no meio dos espinhos
é aquele que ouve a palavra,
mas as preocupações do mundo e a ilusão da riqueza
sufocam a palavra, e ele não dá fruto.
23A semente que caiu em boa terra
é aquele que ouve a palavra e a compreende.
Esse produz fruto.
Um dá cem, outro sessenta e outro trinta."
Palavra da Salvação.


Reflexão - Mt 13, 18-23
Todos nós falamos muito em felicidade e todas as pessoas desejam ser felizes. Em nome da felicidade as pessoas fazem as maiores proezas e correm os maiores riscos. A felicidade está sempre naquilo que nós mais valorizamos na nossa vida. É justamente aqui que nós encontramos o elemento de análise principal para encontrarmos a causa de tanto sofrimento e tanta dor que estão presentes no mundo de hoje. Deus é o valor absoluto e somente a partir dele pode haver felicidade verdadeira. Qualquer felicidade que encontre o seu fundamento fora de Deus, coloca o seu fundamento em um falso valor, de modo que é na verdade uma falsa felicidade, que só pode trazer dor e sofrimento.


LEIA MAIS! CLICK AQUI!


15 de julho de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB






Leituras Relacionadas ao dia 15/07/2010 - CNBB
Branco. 5ª-feira da 15ª Semana Tempo Comum
S. Boaventura BDr, memória

1ª Leitura - Is 26,7-9.12.16-19
Despertai, cantai louvores, vós que jazeis no pó!
Leitura do Livro do Profeta Isaías 26,7-9.12.16-19
7O caminho do justo é reto,
e tu ainda aplainas a estrada ao justo.
8Sim, no caminho dos teus juízos
esperamos em ti, Senhor;
para o teu nome e para a tua memória
volta-se o nosso desejo.
9Quando vem a noite anseia por ti a minh"alma
e com a força do espírito te procuro no meu íntimo.
Quando brilharem na terra teus juízos,
os habitantes do mundo aprenderão a ser justos.
12Senhor, hás de dar-nos a paz,
como nos deste a mão em nossos trabalhos.
16Senhor, eles a ti recorreram na angústia;
exageraram na superstição,
e veio-lhes o teu castigo.
17Como a mulher grávida, ao aproximar-se o parto
geme e chora em suas dores,
assim nós, Senhor, em tua presença.
18Concebemos e sofremos dores de parto,
e o que geramos foi vento.
Não demos à terra frutos de salvação,
não fizemos nascer habitantes para o mundo.
19Reviverão os teus mortos
e se levantarão também os meus mortos.
Despertai, cantai louvores, vós que jazeis no pó!
Senhor, é orvalho de luz o teu orvalho,
e a terra trará à luz os falecidos.
Palavra do Senhor.


Salmo - Sl 101,13-14ab.15. 16-18. 19-21 (R. 20b)
R. O Senhor olhou a terra do alto céu.

13Mas vós, Senhor, permaneceis eternamente, *
de geração em geração sereis lembrado!
14aLevantai-vos, tende pena de Sião, *
14bjá é tempo de mostrar misericórdia!
15Pois vossos servos têm amor aos seus escombros *
e sentem compaixão de sua ruína.R.

16As nações respeitarão o vosso nome, *
e os reis de toda a terra, a vossa glória;
17quando o Senhor reconstruir Jerusalém *
e aparecer com gloriosa majestade,
18ele ouvirá a oração dos oprimidos *
e não desprezará a sua prece.R.

19Para as futuras gerações se escreva isto, *
e um povo novo a ser criado louve a Deus.
20Ele inclinou-se de seu templo nas alturas, *
e o Senhor olhou a terra do alto céu,
21para os gemidos dos cativos escutar *
e da morte libertar os condenados.R.



Evangelho - Mt 11,28-30
Vinde a mim todos vós que estais cansados.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 11,28-30
Naquele tempo, tomou Jesus a palavra e disse:
28Vinde a mim todos vós que estais cansados
e fatigados sob o peso dos vossos fardos,
e eu vos darei descanso.
29Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim,
porque sou manso e humilde de coração,
e vós encontrareis descanso.
30Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.
Palavra da Salvação.


Reflexão - Mt 11, 28-30
Existem pessoas que acreditam que a verdade da religião encontra-se num rigorismo muito grande, principalmente no que diz respeito às exigências morais e rituais. Com isso, a religião acaba por ser um instrumento de opressão. Jesus nos mostra que não deve ser assim. Ele veio ao mundo para trazer a libertação do jugo do pecado e da morte e que a verdadeira religião é aquela que liberta as pessoas de todos os pesos que as oprimem na sua existência. O verdadeiro cristianismo é aquele que não está fundamentado na autoridade e na rigidez, mas na humildade e mansidão de coração, por que o seu fundador, Jesus Cristo, manso e humilde de coração, é o Mestre de todo o nosso agir.


LEIA MAIS! CLICK AQUI!


11 de julho de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB 15º DOMINGO Tempo Comum




Leituras Relacionadas ao dia 11/07/2010 - CNBB
Verde. 15º DOMINGO Tempo Comum

1ª Leitura - Dt 30,10-14
Esta palavra está bem ao teu alcance,
para que a possas cumprir.
Leitura do Livro do Deuteronômio 30,10-14
Moisés falou ao povo, dizendo:
10Ouve a voz do Senhor teu Deus,
e observa todos os seus mandamentos e preceitos,
que estão escritos nesta lei.
Converte-te para o Senhor teu Deus
com todo o teu coração e com toda a tua alma.
11Na verdade, este mandamento que hoje te dou
não é difícil demais,
nem está fora do teu alcance.
12Não está no céu,
para que possas dizer:
"Quem subirá ao céu por nós para apanhá-lo?
Quem no-lo ensinará para que o possamos cumprir?"
13Nem está do outro lado do mar,
para que possas alegar:
"Quem atravessará o mar por nós para apanhá-lo?
Quem no-lo ensinará para que o possamos cumprir?"
14Ao contrário,
esta palavra está bem ao teu alcance,
está em tua boca e em teu coração,
para que a possas cumprir.
Palavra do Senhor.


Salmo - Sl 68,14.17.30-31.33-34.36ab.37 (R.cf.33)
R.Humildes, vede isto e alegrai-vos!

14Por isso elevo para vós minha oração,*
neste tempo favorável, Senhor Deus!
Respondei-me pelo vosso imenso amor,*
pela vossa salvação que nunca falha!
17Senhor, ouvi-me pois suave é vossa graça,*
ponde os olhos sobre mim com grande amor! R.

30Pobre de mim, sou infeliz e sofredor!*
Que vosso auxílio me levante, Senhor Deus!
31Cantando eu louvarei o vosso nome*
e agradecido exultarei de alegria! R.

33Humildes, vede isto e alegrai-vos:
o vosso coração reviverá,*
se procurardes o Senhor continuamente!
34Pois nosso Deus atende à prece dos seus pobres,*
e não despreza o clamor de seus cativos. R.

36aSim, Deus virá e salvará Jerusalém,*
36breconstruindo as cidades de Judá.
37A descendência de seus servos há de herdá-las,
e os que amam o santo nome do Senhor*
dentro delas fixarão sua morada! R.

Ou: Sl 18,8.9.10.11 (R.9a)
R.Os preceitos do Senhor são precisos,
alegria ao coração.

8A lei do Senhor Deus é perfeita,*
conforto para a alma!
O testemunho do Senhor é fiel,*
sabedoria dos humildes. R.

9Os preceitos do Senhor são precisos,*
alegria ao coração.
O mandamento do Senhor é brilhante,*
para os olhos é uma luz. R.

10É puro o temor do Senhor,*
imutável para sempre.
Os julgamentos do Senhor são corretos*
e justos igualmente. R.
11Mais desejáveis do que o ouro são eles,*
do que o ouro refinado.
Suas palavras são mais doces que o mel,*
que o mel que sai dos favos. R.



2ª Leitura - Cl 1,15-20
Tudo foi criado por meio dele e para ele.
Leitura da Carta de São Paulo aos Colossenses 1,15-20
15Cristo é a imagem do Deus invisível,
o primogênito de toda a criação,
16pois por causa dele,
foram criadas todas as coisas no céu e na terra,
as visíveis e as invisíveis,
tronos e dominações, soberanias e poderes.
Tudo foi criado por meio dele e para ele.
17Ele existe antes de todas as coisas
e todas têm nele a sua consistência.
18Ele é a Cabeça do corpo, isto é, da Igreja.
Ele é o Princípio, o Primogênito dentre os mortos;
de sorte que em tudo ele tem a primazia,
19porque Deus quis habitar nele com toda a sua plenitude
20e por ele reconciliar consigo todos os seres,
os que estão na terra e no céu,
realizando a paz pelo sangue da sua cruz.
Palavra do Senhor.


Evangelho - Lc 10,25-37
E quem é o meu próximo?
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 10,25-37
Naquele tempo:
25Um mestre da Lei se levantou
e, querendo pôr Jesus em dificuldade, perguntou:
"Mestre, que devo fazer
para receber em herança a vida eterna?"
26Jesus lhe disse: "O que está escrito na Lei?
Como lês?"
27Ele então respondeu:
"Amarás o Senhor, teu Deus,
de todo o teu coração e com toda a tua alma,
com toda a tua força e com toda a tua inteligência;
e ao teu próximo como a ti mesmo!"
28Jesus lhe disse: "Tu respondeste corretamente.
Faze isso e viverás."
29Ele, porém, querendo justificar-se,
disse a Jesus: "E quem é o meu próximo?"
30Jesus respondeu:
"Certo homem descia de Jerusalém para Jericó
e caiu nas mãos de assaltantes.
Estes arrancaram-lhe tudo, espancaram-no,
e foram-se embora deixando-o quase morto.
31Por acaso, um sacerdote
estava descendo por aquele caminho.
Quando viu o homem, seguiu adiante, pelo outro lado.
32O mesmo aconteceu com um levita:
chegou ao lugar, viu o homem
e seguiu adiante, pelo outro lado.
33Mas um samaritano que estava viajando,
chegou perto dele, viu e sentiu compaixão.
34Aproximou-se dele e fez curativos,
derramando óleo e vinho nas feridas.
Depois colocou o homem em seu próprio animal
e levou-o a uma pensão, onde cuidou dele.
35No dia seguinte, pegou duas moedas de prata
e entregou-as ao dono da pensão, recomendando:
"Toma conta dele!
Quando eu voltar,
vou pagar o que tiveres gasto a mais."
E Jesus perguntou:
36"Na tua opinião, qual dos três foi o próximo do homem
que caiu nas mãos dos assaltantes?"
37Ele respondeu:
"Aquele que usou de misericórdia para com ele."
Então Jesus lhe disse: "Vai e faze a mesma coisa."
Palavra da Salvação.


LEIA MAIS! CLICK AQUI!

9 de julho de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB





Leituras Relacionadas ao dia 09/07/2010 - CNBB
Branco. 6ª-feira da 14ª Semana Tempo Comum
Sta. Paulina do Coração Agonizante de Jesus Vg, memória

1ª Leitura - Os 14,2-10
Não chamaremos mais "deuses nossos"
a produtos de nossas mãos.
Leitura da Profecia de Oséias 14,2-10
Assim fala o Senhor Deus:
2Volta, Israel, para o Senhor, teu Deus,
porque estavas caído em teu pecado.
3Vós todos, encontrai palavras
e voltai para o Senhor;
dizei-lhe: "Livra-nos de todo o mal
e aceita este bem
que oferecemos; o fruto de nossos lábios.
4A Assíria não nos salvará;
não queremos montar nossos cavalos,
não chamaremos mais "Deuses nossos"
a produtos de nossas mãos;
em ti encontrará o órfão misericórdia."
5"Hei de curar sua perversidade
e me será fácil amá-los,
deles afastou-se a minha cólera.
Serei como orvalho para Israel;
ele florescerá como o lírio
e lançará raízes como plantas do Líbano.
7Seus ramos hão de estender-se;
será seu esplendor como o da oliveira,
e seu perfume como o do Líbano.
8Voltarão a sentar-se à minha sombra
e a cultivar o trigo,
e florescerão como a videira,
cuja fama se iguala à do vinho do Líbano.
9Que tem ainda Efraim a ver com ídolos?
Sou eu que o atendo e que olho por ele.
Sou como o cipreste sempre verde:
de mim procede o teu fruto.
10Compreenda estas palavras o homem sábio,
reflita sobre elas o bom entendedor!
São retos os caminhos do Senhor
e, por eles, andarão os justos,
enquanto os maus ali tropeçam e caem.
Palavra do Senhor.


Salmo - 50,3-4. 8-9. 12-13. 14.17 (R. 17b)
R. Minha boca anunciará vosso louvor!

3Tende piedade, ó meu Deus, misericórdia! *
Na imensidão de vosso amor, purificai-me!
4Lavai-me todo inteiro do pecado, *
e apagai completamente a minha culpa!R.

8Mas vós amais os corações que são sinceros, *
na intimidade me ensinais sabedoria.
9Aspergi-me e serei puro do pecado, *
e mais branco do que a neve ficarei.R.

12Criai em mim um coração que seja puro, *
dai-me de novo um espírito decidido.
13ó Senhor, não me afasteis de vossa face, *
nem retireis de mim o vosso Santo Espírito!R.

14Dai-me de novo a alegria de ser salvo *
e confirmai-me com espírito generoso!
17Abri meus lábios, ó Senhor, para cantar, *
e minha boca anunciará vosso louvor!R.



Evangelho - Mt 10,16-23
Não sereis vós que havereis de falar,
mas sim o Espírito do vosso Pai.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 10,16-23
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
16Eis que eu vos envio como ovelhas no meio de lobos.
Sede, portanto, prudentes como as serpentes
e simples como as pombas.
17Cuidado com os homens,
porque eles vos entregarão aos tribunais
e vos açoitarão nas suas sinagogas.
18Vós sereis levados
diante de governadores e reis, por minha causa,
para dar testemunho diante deles e das nações.
19Quando vos entregarem,
não fiqueis preocupados como falar ou o que dizer.
Entóo naquele momento vos será indicado o que deveis dizer.
20Com efeito, não sereis vós que havereis de falar,
mas sim o Espírito do vosso Pai
é que falará através de vós.
21O irmão entregará à morte o próprio irmóo;
o pai entregará o filho;
os filhos se levantarão contra seus pais, e os matarão.
22Vós sereis odiados por todos, por causa do meu nome.
Mas quem perseverar até o fim, esse será salvo.
23Quando vos perseguirem numa cidade, fugi para outra.
Em verdade vos digo,
vós não acabareis de percorrer as cidades de Israel,
antes que venha o Filho do Homem.
Palavra da Salvação.


Reflexão - Mt 10, 16-23
Todo aquele que quer ser discípulo de Jesus deve estar pronto para enfrentar os problemas decorrentes do discipulado. Ser discípulo de Jesus significa não aceitar os contravalores que estão presentes no mundo e que não permitem que haja vida e vida em abundância, mas denunciar esses contravalores como causa de sofrimento e, ao mesmo tempo, anunciar os valores do Evangelho. Ser discípulos de Jesus significa ser profeta da Nova Aliança e arcar com todas as conseqüências do agir profético, ou seja, a perseguição, o sofrimento e até mesmo a morte. A história da Igreja está repleta de mártires, profetas da Nova Aliança que, por acreditarem nos valores do Evangelho, foram perseguidos e derramaram seu sangue como o Cristo.


LEIA MAIS! CLICK AQUI!


8 de julho de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB





Leituras Relacionadas ao dia 08/07/2010 - CNBB
Verde. 5ª-feira da 14ª Semana Tempo Comum

1ª Leitura - Os 11,1-4.8c-9
Meu coração comove-se no íntimo.
Leitura da Profecia de Oséias 11,1-4.8c-9
Assim fala o Senhor:
1"Quando Israel era criança, eu já o amava,
e desde o Egito chamei meu filho.
2Quanto mais eu os chamava
tanto mais eles se afastavam de mim;
imolavam aos Baals
e sacrificavam aos ídolos.
3Ensinei Efraim a dar os primeiros passos,
tomei-o em meus braços,
mas eles não reconheceram que eu cuidava deles.
4Eu os atraía com laços de humanidade,
com laços de amor;
era para eles como quem leva uma criança ao colo,
e rebaixava-me a dar-lhes de comer.
8cMeu coração comove-se no íntimo
e arde de compaixão.
9Não darei largas à minha ira,
não voltarei a destruir Efraim,
eu sou Deus,
e não homem;
o santo no meio de vós,
e não me servirei do terror.
Palavra do Senhor.


Salmo - Sl 79,2ac.3b. 15-16
R. Sobre nós iluminai a vossa face
e, entóo, seremos salvos, ó Senhor!

2aÓ Pastor de Israel, prestai ouvidos. *
2cVós, que sobre os querubins vos assentais, +
b3despertai vosso poder, ó nosso Deus, *
e vinde logo nos trazer a salvação!R.

15Voltai-vos para nós, Deus do universo! +
Olhai dos altos céus e observai. *
Visitai a vossa vinha e protegei-a!
16Foi a vossa mão direita que a plantou; *
protegei-a, e ao rebento que firmastes!R



Evangelho - Mt 10,7-15
De graça recebestes, de graça deveis dar!
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 10,7-15
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
7Em vosso caminho, anunciai:
"O Reino dos Céus está próximo".
8Curai os doentes, ressuscitai os mortos,
purificai os leprosos, expulsai os demônios.
De graça recebestes, de graça deveis dar!
9Não leveis ouro, nem prata, nem dinheiro nos vossos cintos;
10nem sacola para o caminho,
nem duas túnicas, nem sandálias, nem bastão,
porque o operário tem direito ao seu sustento.
11Em qualquer cidade ou povoado onde entrardes,
informai-vos para saber quem ali seja digno.
Hospedai-vos com ele até a vossa partida.
12Ao entrardes numa casa, saudai-a.
13Se a casa for digna, desça sobre ela a vossa paz;
se ela não for digna, volte para vós a vossa paz.
l4Se alguém não vos receber, nem escutar vossa palavra,
saí daquela casa ou daquela cidade,
e sacudi a poeira dos vossos pés.
15Em verdade vos digo, as cidades de Sodoma e Gomorra
serão tratadas com menos dureza do que aquela cidade,
no dia do juízo.
Palavra da Salvação.


Reflexão - Mt 10, 7-15
A vida de quem é discípulo de Jesus consiste em fazer as obras do reino de Deus para manifestar a sua presença no meio dos homens. É deixar de lado as suas próprias obras para que, como enviado por Jesus, realize as obras de Deus. Para que isso seja possível, o discípulo de Jesus não deve colocar a sua confiança nos bens materiais, mas em Deus, que tudo proverá para que a sua obra seja coroada de êxito. Com essa confiança em Deus, o discípulo de Jesus deve procurar estar atento a tudo o que acontece ao seu redor, para que não perca nenhuma chance de fazer o bem aos que necessitam dele e possa ser, também, um promotor da paz.


LEIA MAIS! CLICK AQUI!


6 de julho de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB




Leituras Relacionadas ao dia 06/07/2010 - CNBB
Verde. 3ª-feira da 14ª Semana Tempo Comum

1ª Leitura - Os 4-7.11-13
Semeiam ventos, colherão tempestades.
Leitura da Profecia de Oséias 4-7.11-13
Assim fala o Senhor:
4Eles constituíram reis sem minha vontade;
constituíram príncipes sem meu conhecimento;
sua prata e seu ouro
serviram para fazer ídolos
e para sua perdição.
5Teu bezerro, ó Samaria, foi jogado ao chão;
minha cólera inflamou-se contra eles.
Até quando ficarão sem purificar-se?
6Esse bezerro provém de Israel;
um artesão fabricou-o,
isso não é um deus;
será feito em pedaços,
esse bezerro de Samaria.
7Semeiam ventos,
colherão tempestades;
se não há espiga,
o grão não dará farinha;
e, mesmo que dê,
estranhos a comerão.
11Efraim ergueu muitos altares em expiação do pecado,
mas seus altares resultaram-lhe em pecado.
12Eu lhes deixei, por escrito, grande número de preceitos,
mas estes foram considerados coisa que não lhes toca.
13Gostam de oferecer sacrifícios,
imolam carnes e comem;
mas o Senhor não os recebe.
Antes, o Senhor lembra seus pecados
e castiga suas culpas:
eles deverão voltar para o Egito.
Palavra do Senhor.


Salmo - Sl 113B,3-4. 5-6. 7ab-8. 9-10 (9a)
R. Confia, Israel, no Senhor!

Ou: Aleluia, Aleluia, Aleluia

3É nos céus que está o nosso Deus, *
ele faz tudo aquilo que quer.
4São os deuses pagãos ouro e prata, *
todos eles são obras humanas.R.
5Têm boca e não podem falar, *
têm olhos e não podem ver;
6têm nariz e não podem cheirar, *
tendo ouvidos, não podem ouvir.R.

7aTêm mãos e não podem pegar, +
7btêm pés e não podem andar; *
8Como eles serão seus autores, *
que os fabricam e neles confiam.R.

9Confia, Israel, no Senhor. *
Ele é teu auxílio e escudo!
10Confia, Aarão, no Senhor. *
Ele é teu auxílio e escudo!R.



Evangelho - Mt 9,32-38
A Messe é grande, mas os trabalhadores são poucos.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo são Mateus 9,32-38
Naquele tempo:
32Apresentaram a Jesus um homem mudo,
que estava possuído pelo demônio.
33Quando o demônio foi expulso, o mudo começou a falar.
As multidões ficaram admiradas e diziam:
"Nunca se viu coisa igual em Israel."
34Os fariseus, porém, diziam:
"É pelo chefe dos demônios que ele expulsa os demônios."
35Jesus percorria todas as cidades e povoados,
ensinando em suas sinagogas,
pregando o Evangelho do Reino,
e curando todo tipo de doença e enfermidade.
36Vendo Jesus as multidões, compadeceu-se delas,
porque estavam cansadas e abatidas,
como ovelhas que nõo têm pastor.
Então disse a seus discípulos:
37"A Messe é grande, mas os trabalhadores são poucos.
38Pedi pois ao dono da messe
que envie trabalhadores para a sua colheita!"
Palavra da Salvação.


Reflexão - Mt 9, 32-38
Existem pessoas que vivem chorando pelos cantos por causa das ofensas e calúnias das quais são vítimas no trabalho evangelizador. O Evangelho de hoje nos mostra que não deve ser essa a atitude dos discípulos de Jesus. Quando Jesus realiza a expulsão de um demônio, é caluniado, pois afirmam que é pelo poder do mal que ele faz exorcismos. Jesus simplesmente continua a sua caminhada, preocupando-se com o sofrimento e as dores de todos os que encontra pelo caminho e fazendo o bem a todos, olhando a todos com compaixão e preocupando-se porque são como ovelhas que não têm pastor. Assim também devemos ser nós, não devemos viver preocupados com as calúnias que nos são dirigidas, mas sim preocupados em fazer o bem.

5 de julho de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB




Leituras Relacionadas ao dia 05/07/2010 - CNBB
Verde. 2ª-feira da 14ª Semana Tempo Comum

1ª Leitura - Os 2,16.17b-18.21-22
Eu te desposarei para sempre.
Leitura da Profecia de Oséias 2,16.17b-18.21-22
Assim fala o Senhor:
16Eis que eu a vou seduzir,
levando-a à solidão,
onde lhe falarei ao coração;
17be ela aí responderá ao compromisso,
como nos dias de sua juventude,
nos dias da sua vinda da terra do Egito.
18Acontecerá nesse dia,
diz o Senhor,
que ela me chamará "Meu marido",
e não mais chamará "Meu Baal.
21Eu te desposarei para sempre;
eu te desposarei conforme as sanções da justiça
e conforme as práticas da misericórdia.
22Eu te desposarei para manter fidelidade
e tu conhecerás o Senhor.
Palavra do Senhor.


Salmo - Sl 144,2-3. 4-5. 6-7. 8-9 (R. 8a)
R. Misericórdia e piedade é o Senhor.

2Todos os dias haverei de bendizer-vos, *
hei de louvar o vosso nome para sempre.
3Grande é o Senhor e muito digno de louvores, *
e ninguém pode medir sua grandeza.R.

4Uma idade conta à outra vossas obras *
e publica os vossos feitos poderosos;
5proclamam todos o esplendor de vossa glória *
e divulgam vossas obras portentosas!R.

6Narram todos vossas obras poderosas, *
e de vossa imensidade todos falam.
7Eles recordam vosso amor tão grandioso *
e exaltam, ó Senhor, vossa justiça.R.

8Misericórdia e piedade é o Senhor, *
ele é amor, é paciência, é compaixão.
9O Senhor é muito bom para com todos, *
sua ternura abraça toda criatura.R.



Evangelho - Mt 9,18-26
Minha filha acaba de morrer.
Mas vem, impõe tua mão sobre ela e ela viverá.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 9,18-26
18Enquanto Jesus estava falando,
um chefe aproximou-se, inclinou-se profundamente diante dele,
e disse: "Minha filha acaba de morrer.
Mas vem, impõe tua mão sobre ela e ela viverá."
19Jesus levantou-se e o seguiu,
junto com os seus discípulos.
20Nisto, uma mulher que sofria de hemorragia, há doze anos,
veio por trás dele e tocou a barra do seu manto.
21Ela pensava consigo:
"Se eu conseguir ao menos tocar no manto dele,
ficarei curada."
22Jesus voltou-se e, ao vê-la, disse:
"Coragem, filha! A tua fé te salvou."
E a mulher ficou curada a partir daquele instante.
23Chegando à casa do chefe,
Jesus viu os tocadores de flauta e a multidão alvoroçada,
24e disse: "Retirai-vos,
porque a menina não morreu, mas está dormindo."
E começaram a caçoar dele.
25Quando a multidão foi afastada,
Jesus entrou, tomou a menina pela mão, e ela se levantou.
26Essa notícia espalhou-se por toda aquela região.
Palavra da Salvação.


Reflexão - Mt 9, 18-26
O Evangelho de hoje nos mostra que não existe problema que não tenha solução verdadeira quando nos aproximamos de Jesus. Tanto o chefe que se aproxima de Jesus reconhecendo a morte da sua filha, mas acreditando que a imposição das mãos de Jesus lhe devolverá a vida quanto a mulher que, depois de 12 anos de enfermidade, reconhece que basta tocar a barra do manto de Jesus que ficará curada foram atendidos. A palavra que Jesus disse à mulher vale para todos nós: devemos ter coragem, pois a nossa fé nos salva. Devemos acreditar em Deus e enfrentar, com confiança nele, todos os nossos problemas, pois ele está ao lado de quem crê.


LEIA MAIS! CLICK AQUI!

4 de julho de 2010

A Palavra de Deus na Vida - CNBB São Pedro e São Paulo, Apóstolos Solenidade





Leituras Relacionadas ao dia 04/07/2010 - CNBB
Vermelho. São Pedro e São Paulo, Apóstolos Solenidade

1ª Leitura - At 12,1-11
Agora sei que o Senhor enviou o seu anjo
para me libertar do poder de Herodes.
Leitura dos Atos dos Apóstolos 12,1-11

Naqueles dias,
1o rei Herodes
prendeu alguns membros da Igreja, para torturá-los.
2Mandou matar à espada Tiago, irmão de João.
3E, vendo que isso agradava aos judeus,
mandou também prender a Pedro.
Eram os dias dos Pães ázimos.
Depois de prender Pedro,
Herodes colocou-o na prisão,
guardado por quatro grupos de soldados,
com quatro soldados cada um.
Herodes tinha a intenção de apresentá-lo ao povo,
depois da festa da Páscoa.
5Enquanto Pedro era mantido na prisão,
a Igreja rezava continuamente a Deus por ele.
6Herodes estava para apresentá-lo.
Naquela mesma noite,
Pedro dormia entre dois soldados,
preso com duas correntes;
e os guardas vigiavam a porta da prisão.
7Eis que apareceu o anjo do Senhor
e uma luz iluminou a cela.
O anjo tocou o ombro de Pedro, acordou-o e disse:
"Levanta-te depressa!"
As corrrentes caíram-lhe das mãos.
8O anjo continuou:
"Coloca o cinto e calça tuas sandálias!"
Pedro obedeceu e o anjo lhe disse:
"Põe tua capa e vem comigo!"
9Pedro acompanhou-o, e não sabia que era realidade
o que estava acontecendo por meio do anjo,
pois pensava que aquilo era uma visão.
10Depois de passarem pela primeira e segunda guarda,
chegaram ao portão de ferro que dava para a cidade.
O portão abriu-se sozinho. Eles saíram,
caminharam por uma rua e logo depois o anjo o deixou.
11Então Pedro caiu em si e disse:
"Agora sei, de fato, que o Senhor enviou o seu anjo
para me libertar do poder de Herodes
e de tudo o que o povo judeu esperava!"
Palavra do Senhor.



Salmo - Sl 33(34),2-3.4-5.6-7.8-9 (R. 5)

R.De todos os temores me livrou o Senhor Deus.
2Bendirei o Senhor Deus em todo o tempo, *
seu louvor estará sempre em minha boca.
3Minha alma se gloria no Senhor; *
que ouçam os humildes e se alegrem! R.

4Comigo engrandecei ao Senhor Deus, *
exaltemos todos juntos o seu nome!
5Todas as vezes que o busquei, ele me ouviu, *
e de todos os temores me livrou. R.

6Contemplai a sua face e alegrai-vos, *
e vosso rosto não se cubra de vergonha!
7Este infeliz gritou a Deus, e foi ouvido, *
e o Senhor o libertou de toda angústia. R.

8O anjo do Senhor vem acampar *
ao redor dos que o temem, e os salva.
9Provai e vede quão suave é o Senhor! *
Feliz o homem que tem nele o seu refúgio! R.



2ª Leitura - 2Tm 4,6-8.17-18
Agora está reservada para mim a coroa da justiça.
Leitura da Segunda Carta de São Paulo a Timóteo 4,6-8.17-18

Caríssimo:
6Quanto a mim,
eu já estou para ser derramado em sacrifício;
aproxima-se o momento de minha partida.
7Combati o bom combate,
completei a corrida, guardei a fé.
8Agora está reservada para mim a coroa da justiça,
que o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia;
e não somente a mim,
mas também a todos que esperam com amor
a sua manifestação gloriosa.
17Mas o Senhor esteve a meu lado e me deu forças;
ele fez com que a mensagem
fosse anunciada por mim integralmente,
e ouvida por todas as nações;
e eu fui libertado da boca do leão.
18O Senhor me libertará de todo mal
e me salvará para o seu Reino celeste.
A ele a glória, pelos séculos dos séculos! Amém.
Palavra do Senhor.



Evangelho - Mt 16,13-19
Tu és Pedro e eu te darei as
chaves do Reino dos Céus.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 16,13-19

Naquele tempo:
13Jesus foi à região de Cesaréia de Filipe
e ali perguntou aos seus discípulos:
"Quem dizem os homens ser o Filho do Homem?"
14Eles responderam:
"Alguns dizem que é João Batista; outros que é Elias;
Outros ainda, que é Jeremias ou algum dos profetas".
15Então Jesus lhes perguntou:
"E vós, quem dizeis que eu sou?"
16Simão Pedro respondeu:
"Tu és o Messias, o Filho do Deus vivo".
17Respondendo, Jesus lhe disse:
"Feliz es tu, Simão, filho de Jonas,
porque não foi um ser humano que te revelou isso,
mas o meu Pai que está no céu.
18Por isso eu te digo que tu és Pedro,
e sobre esta pedra construirei a minha Igreja,
e o poder do inferno nunca poderá vencê-la.
19Eu te darei as chaves do Reino dos Céus:
tudo o que tu ligares na terra será ligado nos céus;
tudo o que tu desligares na terra
será desligado nos céus".
Palavra da Salvação.



LEIA MAIS! CLICK AQUI!


Seguidores

Google+ Followers

Viva Nossa Senhora!

Wikipedia

Resultados da pesquisa

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email