12 de março de 2010

Em ti Deus estabeleceu a sua morada

O próprio Deus habita carnalmente, em teu seio, e dele surge, como o esposo,
para trazer a alegria e a luz divina aos homens.
É em ti, ó Virgem, que Deus, como num Céu puríssimo e luminoso,
estabeleceu a sua morada; de ti, ele se eleva como um esposo que deixa o aposento nupcial.
Imitando o percurso de um gigante, Ele percorrerá o caminho de sua vida,
que trará a salvação a todos os viventes e que, estendendo-se de uma extremidade à outra do Céu,
preencherá todas as coisas com seu ardor divino e sua luz vivificante.

São Sofrônio de Jerusalém (+ 639)

Seguidores

Google+ Followers

Viva Nossa Senhora!

Wikipedia

Resultados da pesquisa

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Follow by Email