ZENIT - O mundo visto de Roma

Fides News Português

Gaudiumpress Feed

1 de dezembro de 2007

Advento - tempo de espera

Olá irmãos!

Nosso blog, assim como a Igreja Mãe e o mundo cristão, já respira o Natal do Senhor!
Na música, nas imagens, nas cores e nas mensagens o mundo vive, através da proclamação que vem da Igreja , o Advento - a espera. E nós também queremos esperar!

A verdade é que quando se inicia o mês de dezembro a humanidade vive uma espécie de euforia, uma certa alegria e vontade de juntar-se àqueles que consideramos queridos. Tudo tem cheiro de Natal! A contagem é regressiva! O ano termina para a maioria dos povos da Terra, e com o final do ano, a vinda de uma nova esperança e de uma nova chance de recomeçar!


Quando os pastores foram avisados do nascimento de Jesus certamente nem sabiam que havia um Messias que iria nascer para salvar a humanidade, mas mesmo assim foram contagiados pelo encanto do Natal. Assim aconteceu também com os reis magos, que contagiados por tal encanto fizeram longa caminhada até conhecer o Messias, o Rei, um menino pobre que nasceu na estrebaria, um Menino-Deus que reinaria soberano!
Hoje podemos contemplar a mesma situação. O encanto do Natal penetra até os corações mais endurecidos! Os aeroportos, as rodoviárias, a estações de trem, todos os meios de transporte ficam cheios de pessoas que desejam estar em casa na noite de Natal, pessoas que muitas vezes igualmente aos reis magos e aos pastores, nem sabem porque tudo parece tão diferente e encantador! Acabam se entretendo com presentes e vitrines de lojas, com mesas cheias de iguarias típicas dessa época e não conseguem perceber o milagre que aconteceu na noite de Natal.
Nossa missão durante o advento é a mesma missão que tiveram os anjos e a estrela guia naquela noite, apontar o Messias aos que ainda não conhecem os caminhos da estrebaria. Precisamos nos unir a Igreja através das novenas natalinas e dos gestos concretos de evangelização, fraternidade e partilha dos bens e dos alimentos.
Meus irmãos, o povo do Antigo Testamento também viveu um longo advento, e eles nem sabiam quem era o Messias. Porém, mesmo assim eram capazes de doar a própria vida para que os caminhos do Senhor fossem abertos! Hoje nosso advento é diferente, vivemos um tempo de espera no qual o próprio Rei é quem nos fortalece.
No dia em que Jesus nasceu os reis magos levaram presentes que expressavam a realeza de Jesus: ouro, incenso e mirra. Hoje, Jesus espera presentes muito mais reais, e reais no sentido mais amplo da palavra. Precisamos ir até o Menino-Deus com as mãos cheias de caridade, fraternidade, esperança, serviço, disponibilidade, misericórdia e do especial amor que Ele mesmo tem nos dado por toda nossa vida, pois só quando nos dispusermos a entrar na estrebaria e presentear o Menino com nossas vidas, é que a realeza do Messias será proclamada pelos céus e pela Terra. Precisamos nos preparar!
Um feliz advento irmãos! Nos encontramos na noite de Natal para juntos entregarmos ao Menino Jesus os presentes que preparamos em homenagem a sua realeza.
É tempo de esperar no Senhor! Tempo de esperança, amor e paz!