ZENIT - O mundo visto de Roma

Fides News Português

Gaudiumpress Feed

14 de setembro de 2007

Sim e Não

O sim e o não!
Você já parou para pensar na grandeza dessas duas palavras tão pequeninas, porém, tão profundas?
Nossa vida é cheia de sim e de não, tudo que fazemos, tudo que falamos, tudo que sentimos sempre está a espreita e mercê do sim e do não.
Nos últimos tempos tenho vivido experiências que me fazem refletir sobre a importância dessas palavras. Essa semana eu lembrei do jovem Daniel e de seus amigos, que por dizer não ao deus falso que o rei os forçava a adorar foram acorrentados e jogados na fogueira ardente, mas que por dizer sim ao Deus verdadeiro e fiel foram salvos e saíram intactos das chamas.
O que podemos concluir então? Que muitas vezes meus irmãos precisamos dizer ou ouvir um não para que a verdade de Deus seja proclamada no meio do povo. É certo que nem sempre é fácil ouvir ou dizer um não, mas é certo que dizer sim para o pecado ou para os sentimentos que desagradam a Deus não nos fará mais feliz!
Tenho certeza de que você, assim como eu, também já chorou ao ouvir um não, ou já fez chorar ao dizer um não. Porém, não somos nós, os cristãos, que pregamos que as obras de Deus são como loucura para o mundo? Nem sempre dizer sim ao que queremos é o melhor para nossas vidas e para nossa missão! Precisamos ser livres para entender o não que as vezes Deus, através dos irmãos, nos faz viver. E eu garanto, que só quando somos livres em Cristo, é que conseguimos entender o amor que ecoa através da dureza da palavra não.
Pois hoje eu vos convido, e a mim também, a viver com felicidade, nobreza e liberdade cada não que a vida nos diz, cada não que precisamos dizer para a vida, mesmo que seja em meio a lágrimas, ou ainda, mesmo que possa arder em nossa pele como as chamas daquele fogueira onde Daniel foi lançado. Pois o Senhor sabe reconhecer no não que dizemos ou que recebemos, o sim que precisamos para viver nossa missão!
O não que você tem ouvido meu irmão, não é a chave que fecha as portas da tua felicidade, mas é o impulso que te leva para mais perto do Pai!
Um grande abraço cheio de paz, e que a Virgem Satíssima, que soube como ninguém dizer não aos seus projetos para dizer sim aos projetos de Deus, posso ser tua intercessora no céu.