ZENIT - O mundo visto de Roma

Fides News Português

Gaudiumpress Feed

22 de setembro de 2007

O Mestre vive

Eu estava pensando em como foi para Maria Madalena viver a experiência da Ressurreição de Cristo. Segundo São Mateus quando ela chegou ao túmulo se deparou com uma criatura celestial que com sua presença fez tremer todo o lugar. Imaginem só o que sentiu aquela mulher, que apesar de caminhar ao lado de Jesus e O escutar falando sobre a ressurreição, certamente não podia ainda compreender o que significava tudo aquilo, ela queria apenas visitar o túmulo do seu Mestre. Outro fato que me chama a atenção é que Maria Madalena tenha sido a escolhida para ver por primeiro o Cristo Glorioso, justo Maria Madalena, uma mulher, uma pecadora, porém, dona de um coração redimido pelo próprio Mestre, coração repleto de amor pelo Senhor.
E nós? Como temos chegado até o túmulo aberto?
Muitas vezes nós não queremos ver a vida que brota em nós através da ressurreição de Jesus. Vivemos atrelados a sombra do medo. Temos medo de tudo. Temos medo de amar, medo de errar, medo de acertar, medo de evangelizar, medo do compromisso que a ressurreição de Cristo suscita em nós. E se fóssemos nós que encontrássemos o anjo? Qual seria nossa reação? Teríamos medo da Ressurreição?
Parece que temos medo de retirar a pedra que ainda nos prende ao túmulo.
Meus irmãos a pedra foi removida! O sepulcro está vazio! A Ressurreição não é apenas mais uma promessa, mas um dom de Deus em nossas vidas! A partir do batismo somos inseridos no projeto de ressurreição do qual Jesus faz parte. E não é outra ressurreição, mas a do próprio Cristo, que corajosamente quis se antecipar para preparar nosso lugar junto do Pai.
Assim como Maria Madalena, nos tornamos dignos de ressuscitar pelo amor de Deus derramado em nosso meio através da cruz de Jesus, basta é claro, que assim como essa grande mulher saibamos entregar nossa vida a Cristo e abandonar nossos pecados mais secretos para seguir o Mestre pelo caminho!
Nossa missão é árdua, pois abandonar o pecado e abdicar de nossos próprios projetos pode ser algo nem tão agradável assim, porém, posso garantir a cada um de vocês, meus queridos irmãos, que viver ao lado de Jesus é a experiência mais linda que qualquer criatura pode realizar em sua rápida passagem por esta terra. É por isso que o salmista diz que até os montes se rendem e glorificam o Rei da Glória!
Que nós possamos hoje nos espelhar em Maria Madalena! Que possamos vislumbrar a ressurreição em nossas vidas! E mais, que possamos viver a ressurreição que herdamos de Jesus! Que possamos descer o monte e anunciar que o Mestre está vivo, e que aguarda por nós ao lado do Pai!
A paz do Senhor meus irmãos! E que a Virgem Mãe interceda por cada um de nós!