ZENIT - O mundo visto de Roma

Fides News Português

Gaudiumpress Feed

7 de julho de 2007

Fé concreta

Quando olho o rosto de Jesus refletido na Eucaristia, contemplo o Amado de minha alma, Aquele que faz tudo valer a pena, que transforma o que é fraqueza em fortaleza, Aquele que realiza o impossível, que faz viver o que já estava morto. Contemplar Jesus me faz ver minha impotência, minha pequenez diante de tantos que sofrem o abandono, diante da incerteza de tantos que ainda têm sede de Deus, porém, ao mesmo tempo me faz ver a misericórdia na qual estou envolvida, me faz ver que sou filha do céu.

Jesus, o Pão da Vida, nos convida a viver uma fé concreta e fraterna, uma fé renovada que não busca apenas interesses que são seus, fé quem envolvida pelos dons do Espírito Santo nos enche de confiança e fortaleza. Não é mais suficiente apenas falar do amor de Deus, mas é chegada a hora de viver esse amor, não só pregá-lo com palavras, mas com o testemunho.

Um grão de areia sozinho não pode formar uma praia! Algumas vezes, diante do desafio de evangelizar nos sentimos assim como um grãozinho de areia, solitários. É certo que sozinhos nada podemos ser, nem fazer, mas a presença doce e incomparável do Espírito Santo agindo em nós, pode realizar uma obra nova. Apenas quando nos juntamos aos irmãos, e com eles partilhamos nossa vida, podemos viver com maior intensidade os dons com os quais Deus nos presenteia. Jesus poderia ter realizado toda Sua obra sozinho se quisesse, mas o Filho de Deus não quis se privar do dom de amar através do outro, amar é conduzir o outro ao céu, através da oração partilhar da mesma dor, com gestos concretos criar um bem no outro, e as vezes, se for necessário, perder para ganhar. Precisamos abrir nossos olhos para ver a verdade! Não podemos mais nos contentar com reflexos confusos, pois conhecemos a verdade, conhecemos Jesus. É hora de trilhar o caminho aberto por Ele. Temos pressa!

A vinda do Senhor já não demora muito! O que vamos apresentar diante do Rei quando Ele nos perguntar pelos irmãos e pelo amor que nos confiou? Qual será nossa resposta ao dono da vida que vivemos?

Olhar pra Jesus é trilhar o caminho da salvação, é deixar de ser um grãozinho de areia solitário e formar uma grande praia para o Senhor!

Hoje vos convido a ser um grãozinho de areia que sabe qual é o seu papel.

Paz é o que vos desejo.